Bancos, mesas, pisos e móveis de jardins nascem a partir do reaproveitamento de madeiras de demolição.
"É a nova visão da paisagem, em que o ser humano, o gesto, a semente, a planta, a cidade e os territórios grandiosos se aliam em compromissos construtivos. E o jardim volta a ser lugar de meditação e recolhimento."
Burle Max